COMPARTILHAR

Sem dificuldades, o Fluminense voltou a vencer o Deportivo Cuenca por 2 a 0 e carimbou seu passaporte para as quartas de final da Copa Sul-Americana. Na próxima fase, o time de Marcelo Oliveira encara o Nacional, do Uruguai.

O confronto

Com a necessidade de marcar pelo menos dois gols, o Deportivo Cuenca surpreendeu e pouco atacou o Flu, que controlava o jogo sem maiores problemas. Aos 32, Sornoza cobrou falta e após confusão na grande área, Digão empurrou para o fundo das redes, 1 a 0.

Embalado pela torcida que lotou o Maraca, o Fluminense continuou melhor e Everaldo por muito pouco não ampliou após desperdiçar chance na cara do gol.

Na etapa o Tricolor voltou com a ideia de matar o confronto de qualquer maneira. O time equatoriano ficou acuado na defesa e tinha dificuldades para impedir os avanços.

Após a pressão inicial, o Fluminense deu a bola para o Cuenca e apostava nos contra-ataques. Em um deles, Everaldo deixou Ricahrd na cara do gol para dar números finais ao duelo, 2 a 0.