SHARE
Foto: Guarani Divulgação

Em Campinas, o Guarani bateu o Juventude por 2 a 0 e voltou a respirar na Série B. Com dois gols de Caíque, o Bugre respirou no campeonato e conseguiu se afastar momentaneamente da zona de rebaixamento ao chegar aos 38 pontos. Já o time de Caxias do Sul continua na sétima colocação e longe do grupo de acesso.

Leia Mais: Goleiro do Vitória revela ameaças e pede desculpas por desabafo após derrota
Brasil de Pelotas apresenta novos uniformes para a temporada 2017/18

Na próxima rodada, o Juventude recebe o Náutico, no Alfredo Jaconi. Enquanto isso, o Bugre vai até o Serra Dourada encarar o Goiás.

O jogo

O Guarani começou o duelo ligado e levando perigo ao gol adversário. Em menos de 12 minutos, o Bugre criou duas excelentes oportunidades, mas não concretizou em gol. A mais clara foi com Bruno Nazário, que no contra-ataque, driblou o goleiro Matheus e sem goleiro mandou a bola para fora.

Com o passar do tempo, o Guarani prensava o Juventude no campo de defesa e conseguiu abrir o placar aos 33 minutos. Após lançamento, a bola cai no pé de Caíque e o atacante bateu cruzado para vencer o goleiro e sair para o abraço, 1 a 0.

Segundo Tempo

A segunda etapa começou e o Guarani quase ampliou o marcado logo no primeiro lance. Fumagalli cobrou escanteio e a bola triscou o travessão do goleiro Matheus.

Apesar da boa vontade do Juventude de atacar mais na etapa final, o Bugre continuou melhor em campo e desperdiçando chances inacreditáveis. Em uma delas, Lenon ficou em ótima condição para finalizar e obrigou Matheus a praticar outro milagre.

Nos minutos finais o golpe de misericórdia do Guarani. Após bicão no campo de ataque, o zagueiro do Juventude bobeou e Caíque roubou a bola. Na saída do goleiro Matheus, o atacante deu um toque por cima e saiu para o abraço, 2 a 0.