SHARE
comissao-tecnica-bolivia-reformula-avaliacao-talentos-nacionais-futebol-latino-17-09
Foto: AFP

*Por Rodrigo Sturaro

O argentino Ángel Guillermo Hoyos não é mais treinador da Seleção Boliviana. A confirmação foi feita nesta sexta (23), quando foi oficializada sua ida para a Universidad de Chile.

Leia mais: Rival do Atlético-PR na Libertadores, Millonarios anuncia reforço para o ataque
Com direito a polêmica, América e Tigres empatam no jogo de ida da final da Liga MX

Hoyos tinha contrato válido com a Federação Boliviana até o fim das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, porém havia uma cláusula no contrato que garantia a saída do treinador a partir de dezembro deste ano sem que houvesse necessidade de pagamento da multa rescisória.

Para o seu lugar a Federação Boliviana confirmou o retorno de Mauricio Soria, que dirigiu a Bolívia no ano passado. O novo treinador inclusive comandará a equipe sub-20, que vai disputar o Sul-Americano da categoria, no Equador, em janeiro.

A Bolívia faz uma fraca campanha nas Eliminatórias, onde ocupa apenas a 9ª colocação com sete pontos ganhos. Os próximos compromissos dos bolivianos serão Colômbia e Argentina, nos dias 23 e 28 de março de 2017, respectivamente.