O clima entre Boca Juniors e Cruzeiro esquentou de vez. Na noite da última quarta-feira, a Conmebol decidiu anular o cartão vermelho do zagueiro Dedé e o atleta está liberado para jogar o duelo no Mineirão.

Leia Mais: Confusão nas oitavas de final da Libertadores gera multa ao River Plate
Peruanos destacam atuação de Trauco frente ao Corinthians: “Partidaça”

Inconformado com essa decisão, o Boca Juniors promete lutar nos bastidores para revogar a decisão da Conmebol e impedir que  Dedé entre em campo na próxima quinta-feira.

Na La Bombonera, o time Xeneize venceu por 2 a 0 e pode perder até por um gol de diferença que avança na Libertadores. O duelo da volta está marcado para o dia 4 de outubro, no Mineirão.

Relembre o Caso

No jogo de ida, o zagueiro Dedé se chocou de maneira involuntária com o goleiro Esteban Andrada. Após analisar o vídeo, o árbitro resolveu expulsar o jogador de maneira injusta.