COMPARTILHE
Foto: AFP

*Alex Dias de Souza

Após ser derrotado pelo River Plate e Emelec nas duas primeiras rodadas, o Independiente Medelín venceu e  conseguiu somar os seus primeiros três pontos na Copa Libertadores 2017 ao bater o Melgar em casa pelo placar de 2 a 0.

Leia mais:  Independiente Medellín, mais líder do que nunca na Colômbia

River Plate vence o Melgar em jogo emocionante e assume a liderança isolada do grupo 3 da Libertadores

Em um jogo muito movimentado, os donos da casa não foram brilhantes, mas mesmo assim dominaram o jogo e venceram graças a boa atuação do meia Quintero, que participou dos dois gols da equipe no jogo.

Com o resultado, o time colombiano soma o mesmo número de pontos de Melgar e Emelec que enfrentará o River na próxima quinta-feira, dia 27 de abril em Quito.

O jogo

Logo aos 2 minutos, os donos da casa quase abriram o placar com Saiz. Após cobrança de escanteio, o zagueiro testou firme para o gol e viu o goleiro Álvarez bem posicionado fazer uma boa defesa para evitar o que seria o primeiro gol do jogo.

O Medelín pressionava e tentava de todos chegar ao primeiro gol de todos os jeitos. Aos 7, Arias arriscou de longe e Álverez fez outra boa defesa.

O Melgar pouco ficava com a bola, e se defendeu bem até os 13 minutos, quando viu os donos da casa abrirem o placar com Viola, que pegou o rebote após um belo chute de Quintero, que fez ótima jogada pelo lado direito do campo.

No decorrer da primeira etapa, os colombianos do Independiente Medelín se cansaram fisicamente e diminuíram o ritimo. Já o Melgar, melhorou no jogo, e começou a trocar bons passes no campo de ataque, porém finalizou muito pouco e permitiu alguns contra-ataques perigosos dos donos da casa.

O Medelín, que tentava administrar a vantagem, abusou dos erros de passe no campo de defesa e quase sofreram o gol de empate no final do primeiro tempo, ao errar a saída de bola e o posicionamento, a defesa do Independiente deixou Loyola livra, que na cara gol chutou por cima com muito perigo e desperdíçou a melhor chance do Melgar no jogo.

Segundo tempo

No começo da segunda etapa, o jogo perdeu um pouco da emoção, as duas equipes chegaram com um ritimo mais lento e o jogo passou a ter um duelo tático. Com isso, a falta de qualidade tomou conta dos primeiros minutos.

O Independiente Medelín abriu mão da posse de bola e permitia uma boa troca de passes do Melgar no campo de ataque, porém o time peruano não aproveitava os espaços e os erros do adversário e continuava com dificuldades na hora de definir as jogadas.

Mesmo tendo uma posse de bola inferior, os donos da casa tinham o controle do jogo, não sentiram a pressão e exploraram os contra-ataques.

O Melgar jogava bem, atacava o Medelín e parecia estar próximo do gol de empate, porém, foram os donos da casa que marcaram novamente com Mosquera após um belo passe de Quintero. Pelo lado direito, o meia partiu em velocidade e tocou de trivela para o lateral, que se atirou e tocou de carrinho para o fundo da rede da equipe peruana.

O segundo gol, abalou a equipe do Melgar. Mesmo trocando passes com qualidade, o time peruano não sabia o que fazer no campo de ataque. Já os colombianos, se defenderam bem, porém abusaram o pouco ao cometer muitas faltas.

No final do jogo o Medelín trocou passes, administrou o jogo e garantiu o seu primeiro triunfo na Libertadores.