COMPARTILHE
Foto: AFP

*Alex Dias de Souza

Duramente criticado pela imprensa, o camisa 10 da seleção da Colômbia e do Real Madrid James Rodriguez, se envolveu em mais uma polêmica ao ser flagrado fazendo um  gesto obsceno para os jornalistas.

Leia mais: Clubes da Premier League devem entrar com força na briga para ter James Rodríguez

James Rodríguez esquece Real Madrid e promete foco na Colômbia

Na imagem publicada por Luis Acosta da agência de notícias AFP na sede esportiva da Federação de Futebol da Colômbia em Bogotá, o jogador aparece motrando o dedo médio para os repórteres.

O capitão da seleção colombiana teria feito também um gesto de uma arma como se estivesse atirando nos jornalistas. Na página da agência, a imagem vem com a seguinte descrição: “O meio-campista colombiano James Rodriguez aponta para jornalistas antes de uma sessão de treinamento na Federação de Futebol da Colômbia em Bogotá”.

O jogador, a comissão técnica e a Federação colombiana não  se pronunciaram sobre a publicação. Na Colômbia, o gesto foi encarado como uma resposta às críticas que James  recebeu após a vitória apertada da seleção colombiana contra a Bolívia na semana passada.

Em entrevista coletiva após um jogo, o  jornalista Oscar Reinteria pediu publicamente para que o técnico Pekerman removesse a faixa de capitão do jogador. “É melhor tomar essa decisão para o James ficar mais calmo”, disse o jornalista no canal desportivo colombiano Win Sports. Em outra coluna de opinião na Colômbia, também  se manifestaram contra o jogador depois do gesto.

“Eu nunca vi o James mostrar o dedo aos jornalistas em Madrid, ele não é tão valente”, afirmou Gabriel Meluk, diretor do jornal Tiempo ao lembrar que o jogador também é alvo de critícas na capital espanhola.