COMPARTILHE
Foto; Amazona WS

Um dos principais nomes que disputam a China Cup com a seleção do Chile, Jean Beausejour, comemorou a classificação da La Roja para mais uma decisão e pregou respeito à Islândia, que será o rival no próximo domingo.

Leia Mais: Clube da Tailândia anuncia contratação de atacante brasileiro
Dois executivos reforçam a administração do Boca Raton para a NPSL

“Nós temos que encarar a competição com a maior seriedade possível. Não podemos achar que será fácil e que vamos ganhar a qualquer momento. O adversário merece muito respeito”, declarou.

Sobre essa nova fase do Chile de jogar decisões e ser protagonista dos torneios, Beausejour espera que essa mentalidade se mantenha por muitos anos dentro da seleção.

“O Chile demorou muito para chegar a esse patamar e devemos trabalhar muito para manter esse respeito partida após partida. É a nossa obrigação com a torcida e camisa chilena”, afirmou o capitão.

O chileno também comentou sobre a semifinal, que a La Roja bateu a Croácia na decisão de pênaltis. Na sua avaliação, os chilenos foram muito bem na segunda etapa por causa do volume de jogo.

“Não me agradou o primeiro tempo. Na etapa final jogamos mais soltos, criamos mais oportunidades para balançar as redes e no fim a nossa classificação para a decisão foi justa”, finalizou.