COMPARTILHAR
Foto: Divulgação

Uma história assustadora chamou a atenção do futebol argentino nesta quinta-feira. O zagueiro Gonzalo Aguirre, do Defensores de Belgrano, que disputa a terceira divisão do futebol local, foi preso após acusação de ter abusado sexualmente e assassinado o seu enteado de apenas 5 anos.

Leia Mais: New York City e Atlanta United assumem o papel de protagonistas da MLS
Nicolás Leoz tem apelação negada sobre extradição nos EUA

Sem dar as caras no clube há pelo menos três meses, a polícia iniciou uma busca pelo jogador pelo país até encontrá-lo na capital Buenos Aires.

De acordo com a mídia local, o crime aconteceu na casa do atleta. Após ter abusado sexualmente da criança, o jogador deferiu alguns golpes na cabeça do mesmo até a morte.