SHARE
Foto: Aton

Indicado pelo jornal El País, do Uruguai, para ser eleito o melhor goleiro do continente em 2017, Johnny Herrera, da Universidad de Chile, preferiu usar e abusar da humildade e garantiu que não está preocupado em conquistar prêmios individuais e sim, na possibilidade de ser campeão chileno no fim do ano.

Leia Mais: Chivas vende naming rights de sua casa por 10 anos
Torcida do Lanús picha entrada de visitante e faz ameaças a torcida do Grêmio

“Eu trocaria mil nomeações individuais para sair com o título do Chileno. É claro que fico feliz por ter o meu trabalho reconhecido, mas prefiro ganhar prêmios coletivos”, afirmou.

Quando deixou a humildade de lado, Johnny Boy ficou satisfeito por mais uma vez participar da disputa, já que teve um começo de ano conturbado e por pouco não saiu do time chileno em janeiro.

“É importante ser reconhecido pelo seu trabalho e o El País novamente me presenteou com essa indicação. Esses prêmios me dão motivação para continuar firme no trabalho e ter a segurança que estou no caminho certo”, declarou em entrevista coletiva.

Com 24 pontos em 13 rodadas disputadas, a Universidad de Chile está em quarto lugar no campeonato local e há três do Colo-Colo, líder da competição. Nas duas rodadas finais, a LaU encara a Universidad Concepción e o Deportes Iquique.