julio-comesana-gostou-do-que-viu-por-parte-do-junior-barranquilla-Futebol-Latino-06-12
Foto: Divulgação/Junior Barranquilla

O resultado positivo jogando em casa não veio na partida de ida pela final da Copa Sul-Americana contra o Atlético-PR. Porém, a equipe do Junior Barranquilla atendeu as expectativas do treinador Julio Comesaña segundo o que o próprio treinador afirmou na coletiva de imprensa.

Leia mais: Atlético-PR sai na frente, cede empate ao Junior e final da Sul-Americana segue indefinida
Zamora massacra Deportivo Lara e fatura o tetra venezuelano

Para ele, a equipe soube demonstrar a sua melhor versão mesmo contando com os desfalques de nomes como o lateral-esquerdo Gabriel Fuentes e o centroavante Teo Gutiérrez. Algo que motivou também um comentário positivo sobre os substitutos das funções citadas: Germán Gutiérrez e Yony González.

“Considero que a equipe fez uma boa partida tendo em conta o rival e a dificuldade que tivemos para substituir dois jogadores que vinham jogando constantemente. Mudam as características dos jogadores. Por sorte Yony fez um grande esforço nessa posição, buscou a todo momento e recebeu como prêmio o gol.”

Na primeira parte do jogo, Comesaña entende que os Tiburones tiveram amplo domínio territorial e de postura sobre o Atlético-PR e viveram um momento que já era esperado dentro do que foi traçado como planejamento para o confronto:

“O que se viu em campo estava dentro do que prevíamos, enfrentamos um rival que como equipe é muito boa e armamos uma estratégia de partida. Creio que até os 35 minutos, talvez um pouco mais, dominamos o terreno, os levamos para o campo deles e não lhes demos espaços.”

Por fim, o técnico de 70 anos de idade que está em sua oitava passagem no Junior Barranquilla pontuou que o resultado final não deixou nenhum tipo de frustração. Julio também ressaltou ser o momento de pensar no Independiente Medellín, adversário do embate de ida na final do Clausura na Liga Águila que ocorrerá no próximo sábado (8).

“Não há nada que reclamar, não há nada o que dizer, nos vamos tranquilos. Fizemos tudo o que estava ao nosso alcance e agora temos que mudar o chip para a partida de sábado contra o Medellín.”