SHARE
Sport-Junior-Barranquilla-Copa-Sul-Americana-Futebol-Latino-02-11
Foto: Arte Futebol Latino

Sabendo se resguardar e também tendo uma noite de pouca inspiração do Sport, o Junior Barranquilla conseguiu em partida realizada no Estádio Metropolitano um empate em 0 a 0 mais do que suficiente para se qualificar as semifinais da Copa Sul-Americana.

Leia mais: Independiente bate novamente o Nacional e está na semi da Sul-Americana
Conheça Sabiá, atacante brasileiro do Rosario FC da Guatemala

Em saída errada de bola com menos de um minuto de jogo, os donos da casa já quiseram assustar o Sport em chute cruzado de Yony González, mas a bola acabou batendo na rede pelo lado de fora.

Assim como aconteceu inclusive no encontro do Recife em diversos momentos, o Junior subia a marcação de maneira coletiva e ordenada, dificultando bastante a possibilidade dos zagueiros do time pernambucano saírem jogando com mais tranquilidade.

O resultado disso, evidentemente, era uma equipe brasileira de pouca criação, troca de passes bem escassa enquanto os colombianos pareciam bem mais “a vontade”, apesar de não criarem uma larga lista de lances de perigo.

No tempo complementar, os nordestinos até tentaram assustar bem mais do que conseguiram até então em chute forte de fora da área dado por Rogério. Entretanto, a jogada individual do camisa 17 do Sport foi um momento pontual dentre a retraída e dificultada postura dos brasileiros.

Mesmo sem serem brilhantes no ataque, a condução de bola e trabalhar com o resultado “embaixo do braço” davam muita tranquilidade ao Tiburón. Chances claras de gol não foram criadas, mas os anfitriões, em via de regra, mantinham a bola mais longe da sua meta do que o contrário.

A entrada de Reinaldo Lenis no lugar de Rogério melhorou um pouco as investidas do Leão da Ilha, principalmente pelo lado direito do ataque. Mesmo assim, ainda era pouco para a necessidade do clube pernambucano.

No fim, as defesas prevaleceram sobre os ataques e o resultado final foi o mesmo do início da partida: 0 a 0.

FICHA TÉCNICA

JUNIOR BARRANQUILLA X SPORT

Local: Metropolitano, Barranquilla (COL).

Data-Hora: 02/11/2017 – 22h45.

Árbitro: Daniel Fedorczuk (URU).

Auxiliares: Mauricio Espinosa (URU) e Miguel Nievas (URU).

Cartões amarelos: Germán Gutiérrez e David Murillo (JUN); Mena, Anselmo, Samuel Xavier (SPO).

Cartões vermelhos: –

Gols: –

JUNIOR BARRANQUILLA: Sebastián Viera; David Murillo, Rafael Pérez, Jonathan Ávila e Germán Gutiérrez; Victor Cantillo, Leonardo Pico, Yony González (Luis Díaz, aos 25’/2°T) e Yimmi Chara; Teófilo Gutiérrez e Matías Mier (Roberto Ovelar, no intervalo). Técnico: Júlio Comesaña.

SPORT: Magrão; Samuel Xavier, Oswaldo Henríquez, Durval e Sander; Anselmo (Thallyson, aos 34’/2°T), Patrick, Thomas (Rodrigo, aos 37’/2°T) e Mena; Rogério (Reinaldo Lenis, aos 14’/2°T) e Juninho. Técnico: Daniel Paulista.