Foto: Divulgação

*Denis Santos

No estádio El Campín, em Bogotá, a La Equidad eliminou o Independiente de Campo Grande na Copa Sul-Americana. Após um novo empate sem gols no tempo normal, o time colombiano venceu nos pênaltis por 4 a 3.

Leia Mais: Colón vence Municipal com facilidade para seguir na Sul-Americana
Nos pênaltis, Zulia elimina o Nacional Potosí na Copa Sul-Americana

Agora, os Colombianos agora aguardam o sorteio para saber quem será seu adversário na próxima fase.

O jogo

O que se viu no primeiro tempo foi simplesmente um massacre. O La Equidad passou 45 minutos pressionando o Independiente, que não passava do meio campo. Só que essa superioridade gritante da equipe colombiana não resultou em gols. E olha que chances não faltaram!

O goleiro Morel, do time paraguaio, fez pelo menos três boas defesas. Uma em chute que veio de fora da área, a outra em arremate a queima roupa e na última ele saiu nos pés do atacante colombiano. Ainda teve a cobrança de falta de Vargas, que passou raspando a trave.

O panorama não mudou no segundo tempo e por pouco o gol não saiu nos primeiros minutos com Zapata, que foi travado pela defesa em lance que Morel já estava batido. Quase que em seguida foi a vez de Mier desperdiçar uma chance de ouro.

O goleiro do La Equidad era um mero espectador, ao contrário do arqueiro paraguaio que salvou novamente sua equipe em outras duas oportunidades.

Aos 35 minutos, finalmente o Independiente conseguiu criar uma chance de gol. Em finalização de Parra, Novoa fez a defesa.

Pênaltis

Na marca da cal melhor para a La Equidad. A equipe acertou quatro cobranças, enquanto o seu rival converteu apenas três.