opiniao-fl-chegou-a-hora-de-yerry-mina-se-posicionar-sobre-seu-futuro-Futebol-Latino-05-08
Foto: AFP

*Por Juliano Rangel

A lesão sofrida pelo zagueiro Yerry Mina durante a derrota da seleção colombiana para a Coreia do Sul, no amistoso disputado na última terça-feira (26), deixou o treinador do Everton, Marco Silva, muito irritado e na bronca com a Federação Colombiana de Futebol (FCF).

Leia mais: Liga MX: León mantém a liderança e Atlas bate Santos Laguna

MLS: Toronto massacra New York City FC na abertura da rodada

Entrevista coletiva na última sexta-feira (29), o técnico português da equipe inglesa disse que advertiu o ex-zagueiro do Palmeiras sobre o risco de jogar os amistosos da seleção colombiana diante do Japão e da Coreia do Sul. “Antes de ir para seleção, sabíamos que poderia ser um risco jogar duas partidas. O comunicamos isto, porém não podemos controlar suas decisões”, destacou o treinador.

Por sua vez, a Federação Colombiana de Futebol (FCF) se pronunciou sobre o caso. “Yerry Mina, como todos os convocados, fez uma avaliação médica rigorosa após o primeiro jogo e ele estava apto para a competição. O defensor estava programado para jogar os primeiros 45 minutos contra a Coreia. Infelizmente, um gesto mecânico incomum afetou inesperadamente o jogador”, dizia o comunicado.

A Federação também desejou uma rápida recuperação ao defensor e disse que manterá seu do corpo médico acompanhando o jogador. Mina sofreu uma lesão na coxa esquerda e teve que ser substituído aos 41 minutos da primeira etapa do duelo que terminou com a vitória da seleção sul-coreana por 2 a 1. O Everton ainda não estipulou um prazo para a recuperação do defensor.