Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Marcos Rojo deixa o Manchester United para voltar ao futebol argentino

Defensor retorna a equipe da qual é declaradamente torcedor por empréstimo de um ano onde os ingleses podem pedir sua volta no meio do ano
marcos-rojo-deixa-o-manchester-united-para-voltar-ao-futebol-argentino

Negociação que era tratada como próxima da concretização, a chegada do defensor argentino Marcos Rojo do Manchester United (Inglaterra) para o Estudiantes agora é realidade.

Leia mais: Depois de bom jogo em vitória do Fortaleza, Mariano Vázquez foca em clássico
Quatro times dividem a liderança do Apertura Boliviano

A confirmação veio através da rede social do Pincharrata com uma postagem legendada da seguinte maneira:

“Uma pessoa volta sempre ao lugar onde foi feliz. Porque o sentido de pertencimento é mais forte. O seu sonho e da Família Pincha se tornam realidade. Nos reencontramos no UNO (novo estádio do Estudiantes). Bem-vindo e obrigado por voltar, Marcos! Te recebemos com o coração!”

O acordo firmado entre as partes dá conta do vínculo firmado até o fim de 2020 em regime de empréstimo. Contudo, existe uma cláusula onde, caso seja o desejo do United, Rojo pode ter sua volta solicitada a partir do mês de junho.

Um dos principais elementos que pesaram para que o atleta de 29 anos de idade retornasse ao clube do qual é torcedor declarado, além do natural sentimento, é a ideia de estar mais sob os olhares de Lionel Scaloni. Algo de bastante relevância pensando que, nos meses de junho e julho, a Argentina dividirá com a Colômbia o direito de sediar a Copa América, torneio que a Albiceleste não conquista desde 1993.

Formado no clube de La Plata, Marcos Rojo esteve no clube até 2011 quando foi negociado com o Spartak Moscou (Rússia). Depois disso, ele ainda passou por Sporting (Portugal) antes de desembarcar nos Red Devils tendo as credenciais de uma importante Copa do Mundo de 2014 no Brasil chegando ao vice-campeonato com a Argentina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019