SHARE
Foto: Reprodução

*Alex Dias de Souza

Craques veteranos como David Beckham, Steven Gerrard, Frank Lampard, Didier Drogba, Andrea Pirlo, David Villa e Kaká, defenderam clubes da MLS que tem o costume de contratar jogadores que brilharam na Europa e que agora estão em fim de carreira. Entretanto, a política de contratação de jogadores parece estar mudando com o tempo. Isso foi o que disse o comissário Don Garber que Durante o intervalo da definição da final da Conferência Leste entre Toronto FC e Montreal Impact abordou esta questão.

Leia mais: Seattle Sounders é o primeiro finalista da MLS

Sem Libertadores, Liga MX e MLS pretendem criar uma nova competição

“Quando você tem Gerrard,  Lampard e  Drogba,  acrescenta muito para o campeonato, mas eu gosto mais de jogadores entusiasmados como Sebastian Giovinco. Fiquei animado com a chegada do Piatti, eu acho que é um dos melhores jogadores da nossa liga. Nós também estamos vendo agora o Michael Bradley e Jozy Altidore e eu acho que os jogadores jovens estão começando a vir para cá jogando no seu melhor. E isso é mais importante do que ter jogadores lendários no final de suas carreiras.Eu acho que precisávamos muito trazer jogadores veteranos no passado, mas agora eu não acho que precisamos de ambos”, afirmou Don Garber.

Com efeito diferente e importância em suas respectivas equipes Gerrard, Lampard e Drogba encerraram suas ligações com o LA Galaxy, New York City FC e Montreal Impact respectivamente, e Garber também comentou o assunto.

“As equipes antes traziam jogadores veteranos consagrados porque eles achavam que iriam ajudá-los a vender mais ingressos. Agora a questão mais importante é trazer jogadores que possam ajudar uma equipe a ganhar.  Por exemplo, eles querem ver a equipe vencer, mas também querem ver  36.000 pessoas nos seus jogos”, analisou Garber.

O comissário disse o que espera no futuro e apostou que a MLS poderá ter grandes mudanças.

“Você não precisa mais contratar craques artificialmente. Obviamente, tem sido uma honra ter esses jogadores no nosso campeonato, porém, isso não significa que a chegada de nomes de veteranos consagrados no futebol europeu irá parar completamente, tenho que deixar isso claro. Tudo isso nos fez perceber o interesse e a necessidade de uma mudança. As recentes contratações, de Nicholas Lodeiro (Seattle Sounders) e Ronald Matarrita (New York City FC), indica que agora os clubes da liga estão mais interessados no futuro do que no passado”, finalizou.

SHARE

A redação do site pioneiro em informações detalhadas a respeito do futebol na América Latina trabalha sempre para unir qualidade e dinamismo a um conceito moderno de jornalismo esportivo.