COMPARTILHE
Foto: Divulgação Nacional

Após as reformas no Gran Parque Central, o Nacional luta nos bastidores para promover o clássico contra o Peñarol em sua casa. Apesar da expectativa, José Luis Rodríguez, presidente do clube uruguaio, garante que esse desejo só deverá acontecer em 2018.

Leia Mais: Símbolo da Seleção feminina, Formiga comenta que quase desistiu da carreira de jogadoraNa Ásia, equipe de meio-campista brasileiro segue caminhada em busca de títulos inéditos

“Neste ano os clássicos estão marcados para o Centenario. Na próxima temporada nós vamos conversar com as autoridades e mostrar que nosso estádio pode receber o confronto sem nenhum problema”, afirmou o dirigente em Las Voces del Fútbol da rádio 1010AM..

Para provar que o Gran Parque Central está apto a receber o jogo, o mandatário relembra quando o Nacional encarou o Boca Juniors na Libertadores do ano passado.

“Na última Libertadores nós recebemos a torcida do Boca Juniors e não teve nenhuma confusão. No total, cerca de 3 mil argentinos assistiram o jogo e voltaram para casa seguros”.

Por fim, o dirigente também garantiu que as obras do estádio voltaram a todo vapor após a greve dos trabalhadores, que entraram em conflito com a construtora.

“Pelo que me informaram tanto a construtora como os trabalhadores chegaram a um acordo e já resolveram tudo entre eles. As obras de infraestrutura e ampliação continuam normalmente”, finalizou.