nos-extremos-da-experiencia-deportivo-lara-e-independiente-estreiam-na-libertadores-Futebol-Latino-28-02
Foto: Reprodução/Olé

Em partida que demonstra claramente o que são os dois lados da moeda entre conhecer muito bem ou não ter quase nenhum lastro em Copa Libertadores, o Deportivo Lara receberá amanhã (29) na Venezuela o tradicional e multicampeão Independiente.

Leia mais: Visitando o Benfica, atacante brasileiro do Marítimo faz alerta
Internacional vai para confronto inédito contra o Cianorte pela Copa do Brasil

Essa é apenas a segunda oportunidade da equipe radicada no estado de Lara a disputar a principal competição do continente, tendo jogado a outra oportunidade em 2013 e ficado pelo caminho ainda na fase de grupos.

Por outro lado, os argentinos darão o pontapé inicial naquela que será a 21ª participação e tenta manter o recorde histórico de maior campeão do torneio buscando a oitava taça. E, logo de início, a equipe dirigida por Ariel Holán terá problemas dos dois lados do campo devido a suspensões.

Enquanto o zagueiro Fernando Amorebieta foi expulso diante do Grêmio na decisão da Recopa em Porto Alegre e tem de cumprir a suspensão em um torneio da Conmebol, Emmanuel Gigliotti foi julgado pelo cartão vermelho que tomou também contra o time brasileiro em Avellaneda e levou dois jogos de punição. Como já passou pelo primeiros deles por não ir ao Brasil, o centroavante só estará apto para o segundo confronto da Liberta.

Apesar de inicialmente não ter desfalques, tampouco o momento dos donos da casa é positivo. Atualmente na oitava posição do Apertura venezuelano, a equipe já está há quatro jogos sem saber o que é vencer em 2018.