COMPARTILHE
San-Lorenzo-Emelec-Copa-Libertadores-Futebol-Latino-10-08
Foto: Arte Futebol Latino

Em Buenos Aires, o San Lorenzo garantiu sua vaga nas quartas de final. Dentro do Nuevo Gasómetro, o time de Diego Aguirre perdeu no tempo normal do Emelec por 1 a 0, mas venceu nos pênaltis por 5 a 4. Na próxima fase, o campeão da Liberta 2014 encara o Lanús.

Leia Mais: Não é a primeira vez que Diego Polenta “perde a cabeça” em competições continentais
Ligado, Botafogo marca cedo e vai enfrentar o Grêmio na próxima fase

O jogo

Os primeiros 30 minutos de jogo ficaram marcados pela disputa da posse de bola. O Emelec em desvantagem, tentava pressionar o San Lorenzo, mas sem sucesso. Enquanto isso, o time da casa apostava na troca de passes para segurar a pressão e em alguns momentos acelerava no contra-ataque.

Um pouco melhor em campo, o San Lorenzo criou a primeira chance em chute de fora da área. Belluschi deu uma linda caneta no rival e arriscou para defesa em dois tempos do goleiro Dreer.

Segundo Tempo

Diferentemente da primeira etapa, o jogo começou agitado e logo aos 2 minutos o Emelec abriu o marcador. Em falta cobrada na lateral da área, Lastra subiu de cabeça e cabeceou com força, 1 a 0.

Aos 13 minutos a chance do empate. Belluschi recebeu lindo passe na grande área, mas ajeitou mal. Sem marcação, o jogador chutou torto e mandou pela linha de fundo.

Mais inteiro fisicamente, o Emelec começou a encontrar espaços na zaga do San Lorenzo e após bela jogada individual de Mondaini quase virou. O camisa 10 recebeu na intermediária, driblou dois marcadores e chutou rente a trave de Navarro, que apenas olhou a bola sair.

No momento que começava a se sobressair em cima do rival, o Emelec teve uma baixa importante. O lateral-esquerdo Baguí deu um carrinho desnecessário na beira do campo e após levar o segundo amarelo ganhou o cartão vermelho.
Mesmo com um jogador a mais em campo, o time de Diego Aguirre pouco fazia e era nítido que a falta de ritmo de jogo atrapalhava o desempenho do San Lorenzo.

Nos minutos finais o time argentino até tentou pressionar, mas não obteve sucesso e o jogo foi parar nos pênaltis.

Decisão de Pênalti

Nos chutes da marca da cal, a estrela do goleiro Navarro brilhou ao defender dos pênaltis e ajudou o San Lorenzo a vencer por 5 a 4.