COMPARTILHE
Foto: Univision

No estádio Soldier Field, em Chicago, as estrelas da MLS encararam o Real Madrid e foram derrotados nos pênaltis. No tempo normal, o duelo ficou empatado por 1 a 1 e nos pênaltis o time Merengue venceu por 4 a 2.

Leia Mais: Independiente vira sobre Iquique pela Copa Sul-Americana
Após gol nos acréscimos, LDU garante vaga nas oitavas nos pênaltis

O jogo

Com uma escalação completamente alternativa, o Real Madrid tinha mais qualidade e rodeava mais a área das Estrelas da MLS. Por outro lado, sem nenhum entrosamento, o selecionado norte-americano pouco atacava e apostava nas jogadas individuais.

O primeiro lance de perigo veio com o time espanhol. Em rápido ataque, Theo invadiu a grande área e bateu cruzado, mas Howard fez milagre para evitar o gol.

A segunda chance veio logo na sequencia com Borja Mayoral. O camisa 21 recebeu na entrada da grande área e arriscou para tirar tinta da trave.

Melhor em campo, o Real teve mais uma excelente oportunidade com uma troca de passes que terminou com o chute de Asensio. O meia arriscou de fora da área e Howard apenas olhou e torceu para a bola não entrar.

A resposta da MLS veio em jogada individual de Kaká. O brasileiro driblou seu marcador, invadiu a área e tocou para David Villa. O atacante do New York City bateu no contrapé do goleiro e Navas conseguiu evitar o tento com a ponta dos dedos.

Nos minutos finais da primeira etapa, o Real Madrid teve mais uma oportunidade, dessa vez com Sergio Ramos. O zagueiro recebeu passe açucarado, ficou cara a cara com Howard e tentou encobrir o goleiro, mas sem sucesso.

Etapa Final

A segunda etapa começou do mesmo jeito que encerrou a primeira. O Real Madrid tinha o controle da partida, porém assustava bem menos.

O primeiro gol do time Merengue saiu aos 13 minutos. Após bela troca de passes, Borja Mayoral saiu na cara do goleiro e bateu por cima, 1 a 0 Real.

À medida que o tempo foi passando, os dois treinadores começaram a mexer no time. Entre as mudanças do Real, Zinedine Zidane colocou Marcelo, Casmiro e Gareth Bale. Já pelo lado da MLS, Giovani dos Santos era a principal novidade.

Com poucas oportunidades, o time norte-americano criou uma excelente oportunidade com Nikolic. O atacante saiu na cara de Navas e finalizou para fora.

Nos minutos finais, quando ninguém esperava mais, a Major League Soccer conseguiu o gol de empate. Em cobrança de escanteio, após cabeçada na trave, a bola sobrou para Dow Dwyer que mandou para o fundo das redes, 1 a 1.

Pênaltis

Nas penalidades máximas o Real Madrid teve 100% de aproveitamento e venceu o selecionado norte-americano por 4 a 2.

Confira o vídeo com os gols: