COMPARTILHAR
Foto: Twitter Internacional

Após a derrota no Gre-Nal deste domingo, o técnico Odair Hellmann analisou o confronto e pelo volume apresentado no segundo tempo, o comandante afirmou que o empate seria o resultado mais justo.

Leia Mais: Renato Gaúcho comemora triunfo no clássico: “Conseguimos o nosso objetivo”
Copa do Nordeste: Vitória cede empate ao ABC nos acréscimos

“Penso que, taticamente, tivemos dificuldade no primeiro tempo, o que gerou o primeiro gol no contra-ataque, numa perda de posse. Luan e Everton estavam conseguindo cicrcular nas entrelinhas. Conversa no segundo tempo foi uma mudança tática, fomos para um 4-1-4-1 e 4-3-3 quando atacasse. O tripé deu uma sustentação, pressionamos muito, fomos intensos. Empate seria mais justo ou até a própria vitória. Talvez, no final, o empate seria mais justo”, analisou.

Autor do único gol Colorado, o volante Rodrigo Dourado garantiu que no mata-mata a história será diferente e prometeu um Internacional diferente.

“Gre-Nal é detalhe. No primeiro tempo, entramos mal. Tomamos um chocolate no primeiro tempo, demos um chocolate neles no segundo. Faltou um golzinho. Agora é tudo mata-mata e vamos para cima deles”