SHARE
Foto: Divulgação Conmebol

*Por Mônica Alvernaz

As grandes competições despertam paixões, movimentam torcidas e sempre causam furor quando terminam com um título do clube amado. Alguns conseguem chegar mais vezes que outros às competições e esses números acabam refletindo em maior número de conquistas relevantes na história do clube em questão.

Leia mais: Necaxa contrata atacante do Cerro Porteño para sequência da temporada
Equipe dos EUA anuncia Joel Santana como novo treinador

No cenário latino, três grandes competições movimentam os torcedores dos clubes locais: Copa Sul-Americana, Libertadores e a Liga dos Campeões da CONCACAF.

Quando o assunto é Copa Sul-Americana é possível notar que o país com maior número de participações é também aquele que levou mais canecos para casa. Em 15 anos de competição, os clubes da Argentina estiveram em 11 oportunidades na competição. Dessas, saíram vitoriosos em 7 ocasiões, sendo o Boca o maior campeão com dois títulos.

Mais tradicional e maior competição da América do Sul, a Libertadores da América desperta paixões há mais de 50 edições. Da mesma maneira que a Sul-Americana, os clubes argentinos são os mais vitoriosos na competição. Em 33 participações foram 24 títulos, sendo 7 apenas do Independiente, o maior campeão argentino.

Apesar disso, o país com o maior número de participações na Libertadores é o Uruguai: foram 44 participações nas edições da maior competição sul-americana. No entanto, apenas em oito ocasiões um clube uruguaio foi consagrado como o campeão.

Subindo um pouco no continente americano, temos a Liga dos Campeões da CONCACAF, ou simplesmente Concachampions. É dominada pelos clubes mexicanos. Eles só não estiveram na fase decisiva em 11 edições e levaram 33 dos 44 canecos disputados na competição. Como maiores campeões estão o América do México, Cruz Azul e Pachuca, com, respectivamente, sete, seis e cinco títulos da Conchampions.