COMPARTILHAR

De olho na modernização, o Peñarol anunciou um projeto ousado, que ainda não existe no futebol uruguaio. O clube Carbonero quer construir um complexo gigantesco para abrigar o time profissional e a categoria base.

Leia Mais: Everton trabalha para renovar o contrato de Cristopher Toselli
Goleiro é suspenso do Campeonato Colômbiano após ofensas racistas

Segundo a mídia Celeste, o projeto conta com dez campos (cinco para os profissionais e outros cinco para a base), alojamento para atletas e centro médico.

O valor não foi divulgado, mas o clube pretende organizar um jantar no dia 11 de outubro, cujo o objetivo é angariar fundos para dar um pontapé inicial na construção das obras. Será cobrado o valor de US$ 250 por pessoa.

“Essa vontade nasceu há quatro anos, quando construímos um Centro de Alto Rendimento para os jogadores. Nós queremos crescer, modernizar a estrutura do Peñarol e acredito que esse trabalho será importante e irá render inúmeros frutos.”, afirmou Rodolfo Cantino, vice-presidente do clube.

Recentemente, o Peñarol deu um grande passo ao construir o Campeón Del Siglo, estádio com a capacidade de 40.700 mil pessoas. Agora, a ideia é melhorar a condição de trabalho do elenco para enfim voltar a ser protagonista na América do Sul.