SHARE
Latinão-jogos-nacionais-cabeça-continente-Futebol-Latino-11-04
Foto: Divulgação/Peñarol

Nesta quarta-feira, o Peñarol encara o Palmeiras no Allianz Parque e precisa de uma vitória para não ficar em situação complicada na Libertadores. No momento, o clube uruguaio conquistou três pontos e sofreu uma sonora goleada contra o Jorge Wilstermann na estréia por 6 a 2.

Leia Mais: Mau começo de Daejeon Citizen não desanima ex-São Paulo
Sevilla emite nota de repúdio sobre interesse da AFA em Jorge Sampaoli

Ciente da pressão pelo resultado, o técnico Leonardo Ramos terá que trabalhar muito bem o psicológico da equipe, já que o retrospecto contra o Palmeiras é negativo. Em 21 jogos disputados, o time de Montevidéu venceu apenas três, perdeu nove e empatou outras nove vezes.

O último duelo entre as duas equipes na Libertadores aconteceu em 2000, quando se enfrentaram nas oitavas de final. No Uruguai, o Peñarol venceu por 2 a 0 e no antigo Palestra Itália, o Verdão venceu por 3 a 1 no tempo normal e avançou no torneio na decisão de pênaltis ao vencer por 3 a 2.

Relembre o duelo:

Mesmo com uma péssima recordação do último duelo, o Peñarol também tem boas lembranças quando encontra o Alviverde. Na temporada de 1961, o time uruguaio sagrou-se campeão da Libertadores ao vencer o Verdão por 1 a 0 em casa e segurar um empate por 1 a 1 no Pacaembu.

Relembre a final de 1961: