COMPARTILHE
Foto: Reprodução / Fox Sports

O começo do ano está agitado para a seleção do Chile. Na próxima semana, a La Roja começa a disputar a China Cup e o técnico Juan Antonio Pizzi garantiu que está focado para conquistar mais um título à frente da atual bicampeã da América.

Leia Mais: Jorge Sampaoli: “Quero treinar Lionel Messi todos os dias”
Conheça os artilheiros de todas as edições da Libertadores

“Nossa intenção é competir em alto nível e levar mais uma taça. Esse é o objetivo do elenco e precisamos ter essa mentalidade vencedora. Estamos confiantes”, afirmou.

Sem contar com grandes estrelas do elenco, como, por exemplo, Alexis Sánchez e Arturo Vidal, o técnico Pizzi vai apostar em jogadores do futebol local e pode descobrir novos valores para compor o time que disputa a Copa das Confederações, no meio do ano, na Rússia.

Além da seleção chilena, o torneio que começa dia 10 de janeiro vai contar com a China dona da casa, Croácia e a Islândia, seleção que foi uma das grandes surpresas da última Eurocopa.

O treinador do Chile ainda fez questão de elogiar os donos da casa, a China, que vem investindo muito no futebol nos últimos anos.

“A China quer se tornar uma das potencias do futebol mundial e por isso está gastando dinheiro para fortalecer a liga e melhorar o futebol da seleção. Acho que esse torneio vai ajudar o país e podemos ver uma evolução em poucos anos”, finalizou.