Foto: Reprodução/TNT Sports

*Por Juliano Rangel

Depois de comemorar a vitória diante do Talleres e a proximidade de uma classificação para a Copa Libertadores de 2020, no último sábado (30), o presidente do River Plate, Rodolfo D’Onofrio, falou sobre o futuro da equipe e também sobre os possíveis reforços que podem desembarcar nos Millonarios.

Leia mais: Não é só futebol: Torcedor mirim se emociona ao ver Maradona

Por onde anda o atacante Hulk, ex-Vitória

Em entrevista ao canal argentino TNT Sports, D’Onofrio descartou as possibilidades de chegadas dos atacantes Gonzalo Higuaín e Sebastián Driussi, que manifestaram o desejo de retornar ao clube na última semana.

“A única maneira para que eles possam vir é que decidam isso. A realidade é que não podemos pagar 20 ou 30 milhões de euros para ter um jogador. É impossível salvo que eles digam: ‘Quero voltar ao River’, se não é impossível”, declarou o presidente.

Ambos os atacantes foram revelados pelo River Plate, com Higuaín tendo despontado pela equipe em 2005 e sendo vendido em 2007 para o Real Madrid. Com a camisa Millonario, Pipita atuou em 37 jogos e marcou 15 gols.

Já Driussi, atuou pela equipe entre 2013 e 2017 e foi vendido para o Zenit San Petersburgo, da Rússia. Com a camisa do River, ele disputou 107 partidas e anotou 29 gols.