clausura-boliviano-comeca-com-larga-presenca-de-treinadores-estrangeiros-Futebol-Latino-29-07
Foto: ANF

A seleção da Bolívia passa por um processo de transição onde, na próxima segunda-feira (14), a Federação Boliviana de Futebol (FBF) anunciará o seu treinador em definitivo pensando no ciclo de Copa América no Brasil e a busca pela vaga no Mundial de 2022 no Catar.

Leia mais: Douglas Vieira é apresentado no atual bicampeão da J-League
Equatorianos falam em Pirlo e Figo na Noche Amarilla 2019

Na apuração de um dos principais meios de comunicação bolivianos, o Diez, César Farias, Eduardo Vilegas, Gustavo Costas e Richard Páez são os nomes que mais circulam em relação ao desejo da FBF como cotados para a função.

Em relação aos torcedores, Villegas sai na frente dos oponentes principalmente pelo grande desempenho que mostrou o San José no segundo semestre de 2018 que culminou com o título do Clausura.

Em declaração sobre o tema, o treinador boliviano agradeceu os pedidos populares e entende que isso reflete o reconhecimento com seu trabalho:

“Estão fazendo justiça, reconhecendo os méritos que tivemos como corpo técnico e treinador, nessa ordem. Por isso estou agradecido a torcida e as pessoas que provocaram isso (chance de treinar La Verde).”

Apesar de uma inegavelmente vitoriosa trajetória no futebol da Bolívia com seis títulos nacionais no currículo por quatro times diferentes (Jorge Wilstermann, San José, The Strongest e Universitario Sucre), Villegas jamais treinou a seleção nacional.