Foto: Divulgação/Superliga Argentina

Em Avellaneda, Racing e Unión Santa Fe abriram a Superliga Argentina 2019 e não tiraram o zero do placar. Na próxima semana, o time de Avellaneda encara o Vélez Sarsfield, fora de casa. O Santa Fe recebe o Defensa y Justicia.

No gramado da La Bombonera, De Rossi é apresentado como novo reforço do Boca
Campeonato Brasileiro tem rodada de clássicos e barbadas

O confronto

No embalo da torcida, o Racing foi todo pressão desde o começo. O ímpeto quase deu resultado nos primeiros minutos, quando Lisandro deixou Cristaldo em ótima condição, mas o camisa 9 chutou rente a trave.

No decorrer da etapa inicial, o jogo foi um legítimo ataque contra defesa, como time visitante segurando a vantagem de qualquer maneira.

Na etapa final o panorama era o mesmo. O Santa Fe impôs um verdadeiro ferrolho ofensivo e abdicou do jogo. Enquanto isso, o Racing rondava a grande área e apostava na troca de passes e bola aérea para tentar o gol.

Nos minutos finais a chance derradeira veio com Cvitanich. O camisa 20 recebeu em velocidade, invadiu a grande aérea e viu o goleiro praticar um verdadeiro milagre.