COMPARTILHE
Foto: Reprodução Youtube

Rafa Márquez, capitão da seleção do México, voltou a atacar mais uma vez o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Antes do jogo contra a Islândia, em Las Vegas, o jogador leu um discurso onde pediu respeito e união da comunidade latina que vive na Terra do Tio Sam e que sofre com as ofensas do mandatário norte-americano.

Leia Mais: Em post emocionado, Atlético Nacional agradece Miguel Borja
Liga Espanhola confirma amistoso contra lendas da Liga MX

Vale lembrar que essa não é a primeira vez que ele entra em conflito com Trump. No fim de janeiro, o jogador mexicano se manifestou através do twitter e reclamou sobre o muro que o presidente dos Estados Unidos quer construir na fronteira com o México.

Confira o discurso:

Boa Noite,

Junto com os meus companheiros da Seleção Nacional do México, nós declaramos contra qualquer forma de discriminação, homofobia, sexual ou racial.

Pedimos que vocês da torcida se unam com outras pessoas para mostrar os verdadeiros valores do futebol: diversidade, igualdade e respeito a todos.

Juntos somos mais fortes!

Veja o vídeo: