COMPARTILHE
Reprodução: Diez.bo

*Por Mônica Alvernaz

Com a fase pré-Libertadores em andamento, o clima nos bastidores das equipes envolvidas na competição fica cada vez mais agitado.

Leia mais: Confira a escala de arbitragem para os jogos da Libertadores
Aguero volta a entrar na alça de mira do futebol espanhol

Na expectativa do início da fase de grupos, já que conseguiu classificação direta para esta etapa, o Sport Boys precisará adiar o sonho de jogar uma partida da Libertadores em casa.

Isso porque o Estádio Samuel Vaca Jimenéz, casa do clube boliviano, ainda passa por reformas para melhorias internas e não estará pronto a tempo do primeiro desafio do Sport Boys na Libertadores.

O primeiro compromisso do Sport Boys na competição Sul-Americana ocorre no dia 8 de março. Com a reforça ainda em andamento, o local escolhido para a partida foi o Estádio Tahuichi Aguillera.

Apesar de não poder estrear na Libertadores em seu estádio, os demais jogos da competição já ocorrerão no Samuel Vaca. Pelo menos é o que garante Mario Cronenbold, dirigente do Sport Boys.

“Não vamos jogar a primeira partida da Libertadores lá, jogaremos no Tahuichi Aguillera. A empresa responsável pela reforma nos garante que jogaremos os demais jogos da fase de grupos em casa”.

A reforma no Estádio Samuel Vaca Jimenéz envolve mudanças nas cabines de imprensa, banheiros e cafeteria. A ideia é que até mesmo pequenos detalhes estejam resolvidos até 27 de abril, data em que o Sport Boys fará o segundo jogo em casa pela Libertadores.

A estreia da equipe do Sport Boys na Libertadores será diante do Libertad, no dia 8 de março às 19h30. A equipe boliviana está no grupo 6 da competição, que tem ainda Godoy Cruz e Atlético-MG.