Foto: Divulgação

O mercado de transferências continua agitado na América do Sul e enquanto alguns jogadores decidem seus futuros em novos clubes, outros resolvem permanecer e recusar ofertas milionárias, como, por exemplo, Roque Santa Cruz, do Olimpia.

Leia Mais: Técnico do San Lorenzo fala sobre Mancuello e chance na Libertadores
Pity Martínez e Gallardo recebem os prêmios de Melhores da América

De acordo com o próprio presidente do time paraguaio, Marco Trovado, o atacante recebeu uma grande proposta do futebol árabe, mas recusou o convite.

“O Roque foi procurado por um time da Árabia Saudita, que ofereceu um salário de US$ 14 milhões por dois anos, mas ele não aceitou e quis permanecer no Olimpia”, declarou à rádio 1080AM.

“Aos 37 anos, ele é um verdadeiro exemplo. É imensurável o retorno que ele nos dá dentro e fora de campo. É um atleta ímpar dentro do nosso futebol”, completou.

No Decano desde a temporada 2016, Roque Santa Cruz se tornou um dos principais atletas ao disputar 86 jogos e marcar 24 gols.