SHARE
Foto: Divulgação

Após muita expectativa, Peru e Honduras finalmente deram o pontapé inicial na disputa da repescagem para a Copa do Mundo de 2018. Em San Pedro Sula, a seleção hondurenha suportou a pressão da Austrália e terá que decidir seu futuro fora de casa. Já os peruanos foram melhores que a Nova Zelândia, mas preferiram manter a cautela e ficaram no empate sem gols. A decisão será em Lima, na próxima quinta-feira.

Leia Mais: Nova Zelândia e Peru saem zerados de campo em Wellington
Austrália joga bem, pressiona Honduras, mas fica no empate

Saiba abaixo o que as duas seleções latinas precisam fazer dentro de campo para garantir suas vagas no Mundial da Rússia:

Honduras

A situação de Honduras é um pouco mais complicada pelo fato de decidir fora de casa. Mesmo com o apoio da torcida que lotou o estádio Olímpico Metropolitano, em San Pedro Sula, o selecionado hondurenho pouco fez dentro de campo e foi pressionado pela Austrália.

Agora, a equipe precisa de um empate com gols ou vitória simples para carimbar sua vaga na Rússia. Caso o jogo termine empatado sem gols, a disputa será nos pênaltis.

Peru

Fora de casa, a seleção peruana jogou muito bem contra a Nova Zelândia. Os comandados de Ricardo Gareca pouco foram atacados e se tivessem um pouco mais de ousadia sairiam com uma vitória.

Em Lima, na próxima quinta-feira, a seleção peruana precisa de uma vitória simples para voltar a disputar uma Copa do Mundo depois de 35 anos. Se o jogo terminar empatado por 0 a 0, a decisão da vaga será na marca da cal. Empate com gols passa a Nova Zelândia.