COMPARTILHAR
se-eu-fosse-ligar-sempre-para-o-torcedor-praticava-outro-esporte-garante-pottker-Futebol-Latino-01-01
Foto: Reprodução/SporTV

O empate de 1 a 1 contra o Boavista em Cascavel bastou para o Internacional avançar na Copa do Brasil. Apesar das vaias que acompanharam a equipe durante o confronto e após o apito final do árbitro paulista Leandro Bizzio Marinho.

Leia mais: Metralhadora! Chilavert fala sobre política, Venezuela e até mesmo Maradona
Mesmo com erros, técnico do Nacional exaltou vitória como visitante

A respeito da insatisfação do torcedor Colorado que esteve presente em bom número, o atacante Willian Pottker garantiu que, a ele, isso não pesa de maneira negativa no seu desempenho:

“Eu trabalho, junto com os meus companheiros, arduamente para buscar meu espaço. Se eu fosse ligar para o torcedor, não estaria praticando esse esporte. Sou feliz praticando esse esporte. Às vezes, o torcedor tem preferência por outro jogador, mas é no trabalho que mostramos a nossa qualidade. Fico mais feliz mesmo é pela classificação da equipe.”

No que diz respeito ao resultado final, o número 99 do Inter pontuou que é natural as dificuldades de início de temporada aparecerem e que confia no crescimento do elenco durante a disputa da Copa do Brasil.

“Dominamos por todo o período, mas numa infelicidade acabamos levando o gol. No começo é um pouco sofrido porque toda equipe quer mostrar algo contra grandes equipes, então parabenizar o time deles também. Vamos crescendo dentro da competição”, afirmou Willian Pottker.

O próximo oponente do clube gaúcho no torneio sairá do embate entre Atlético-ES e Remo que ocorrerá no próximo dia 7 de fevereiro às 16h30 em Itapemirim.