COMPARTILHAR
Foto: Imago 7

*Por Mônica Alvernaz

Um dos assuntos mais comentados na semana do futebol argentino, a transferência de Pedro Gallese para o Boca Juniors acabou fruacassada.

Leia mais: Chegar em CR7 e Messi? Dybala brinca: “Quero ser o primeiro dos humanos”
Polêmico como sempre, Ibrahimovic dispara: “Sou maior que toda a MLS”

Apesar da quebra de expectativa pela possível ida para a Argentina, o goleiro mostrou que está tranquilo com o ocorrido. “Foi uma negociação clube a clube. Tenho a cabeça no Veracruz e vou continuar trabalhando para ir adiante”.

Prova de que Gallese não se deixou abater com a negociação não concluído, foi seu desempenho diante do Nexaca, na Liga MX. Reconhecido pela boa partida, o goleiro foi direto. “Estou aqui para fazer o meu trabalho. Graças a Deus pude ajudar a equipe”.

Desde 2016, Pedro Gallese defende as cores do Veracruz. Aos 28 anos, o goleiro ainda atua com frequência pela seleção peruana. A exemplo do que acontecerá no mês de outubro, quando Gallese se juntará aos demais companheiros da equipe comandada por Ricardo Gareca, para enfrentar Chile e EUA.

COMPARTILHAR
A redação do site pioneiro em informações detalhadas a respeito do futebol na América Latina trabalha sempre para unir qualidade e dinamismo a um conceito moderno de jornalismo esportivo.