No último domingo, o Bayern de Munique venceu o Stuttgart por 4 a 1 e deu mais um passo para continuar vivo na luta pelo título alemão. Porém, o que novamente chamou a atenção é a falta de moral de James Rodríguez com o técnico Niko Kovac.

Leia Mais: Quase “centenário” na Coreia, Waguinho relembra tempos de futsal com Neymar
Boca Juniors empata e River é goleado na Superliga Argentina; Veja os resultados

Se antes o colombiano era titular absoluto e o clube bávaro cogitava a sua compra em definitivo, atualmente a história é bem diferente.

O Bayern vencia o rival por 4 a 1 e tinha mais 15 minutos de jogo. James foi chamado e entrou no lugar de Muller. Como não poderia ser diferente, o sul-americano pouco teve a acrescentar dentro de campo e a atuação foi discreta.

O contrato de James com o Bayern de Munique se encerra ao término desta temporada e seu futuro ainda é uma incógnita. A tendência é que ele volte ao Real Madrid, mas alguns clubes do velho continente se apresentam para tentar comprar o jogador, como, por exemplo, a Juventus.

Para entender um pouco mais a falta de oportunidade com o novo Niko Kovac, James Rodríguez disputou 39 partidas na última temporada. na atual, o colombiano entrou em campo por apenas 13 vezes e anotou três gols.