COMPARTILHE
Fonte: EFE

*Por Tiago Emanuel

O centroavante do Monaco e da seleção colombiana, Radamel Falcao García, se diz inocente sobre as acusações feitas pelo Football Leaks na última sexta-feira. O grupo investigativo afirma que durante seu período de atuação no Atlético de Madrid (2011-2013), Radamel teria aportado 1,3 milhões de euros em uma conta na Suíça. Tal conta pertenceria a uma empresa das Ilhas Virgens, e faria parte de um “sistema de camuflagem fiscal e lavagem de dinheiro” ligado ao empresário português Jorge Mendes.

Leia mais: “Nunca me pediram para continuar no Atlético de Madrid”, afirma Falcao García

O Football Leaks é composto por 12 jornais europeus, incluindo o espanhol El Mundo e o alemão Der Spiegel. O colombiano, porém, se defende dos acusadores: “Cada vez que as autoridades espanholas pediram informações, sempre as concedemos por meio de meus advogados”. Ainda segundo as investigações, Falcao teria 2,2 milhões de dólares em uma conta de Miami e 8,5 milhões de euros em Mônaco.

Falcao Garcia ainda se esquivou da AFP quando perguntado sobre a real gravidade do problema: “Eles [meus advogados] conheciam a situação. Não posso fazer mais. Me concentro no que sei fazer, jogar futebol”. Os dirigentes de sua atual equipe, o Monaco, garantem estar ao lado do atacante: “Falcao é jogador nosso e conta com todo nosso apoio”, afirmou Vadim Vasilyev, vice-presidente do Monaco.

O grupo incrimina também Cristiano Ronaldo e José Mourinho, todos com carreiras gerenciadas por Mendes. O próprio empresário é suspeito de desviar 185 milhões de euros das vistas da administração fiscal. Segundo a publicação, a rede de Mendes inclui contas na Irlanda, nas Ilhas Virgens, no Panamá e na Suíça. Já Ronaldo teria “camuflado 150 milhões de euros em paraísos fiscais, na Suíça e nas Ilhas Virgens”, de acordo com a publicação. Mourinho, o último da lista que ainda pode crescer, teria dissimulado 12 milhões de euros nas Ilhas Virgens. O Football Leaks afirmou que as investigações ainda devem seguir por três semanas, e outros nomes podem ser incluídos.