Foto: Getty Images

Sem técnico para iniciar o projeto Qatar 2022, a seleção do Paraguai está no mercado em busca de um profissional para assumir a vaga deixada por Francisco Arce e o nome de Tata Martino ganhou força nos últimos dias.

Leia Mais: Maradona relembra história difícil na infância de famoso tenista
CR7 vai embora do Real Madrid sem quebrar recorde de artilheiro mexicano

Diante de tantas especulações, o argentino resolveu conversar com a imprensa paraguaia e deu sua versão sobre a possibilidade de largar a Major League Soccer e assumir a Albirroja.

“No momento não tenho condições de pegar outro projeto. Eu tenho contrato, objetivo e confiança da diretoria, além de gostar muito de estar nos Estados Unidos. Nós já tivemos uma temporada muito boa e esperamos manter o padrão neste ano”, afirmou ao programa Fútbol a lo Grande, da Rádio 1080 AM Monumental.

“Quando se fala de Paraguai é algo que me deixa tocado. Mexe com o meu coração e isso não vai mudar nunca. A realidade é que meu contrato vai até dezembro e por mais que tenha vontade de voltar a trabalhar na seleção, não posso largar o Atlanta”.

História na Seleção

Tata Martino brilhou no comando do Paraguai entre 2006 e 2011. Durante a sua passagem, o argentino colocou a Albirroja na Copa do Mundo da África e chegou ao vice-campeonato da Copa América da Argentina.