Foto: Divulgação/Colo-Colo

Na última quarta-feira, Jorge Valdivia reacendeu a chama de polêmicas dentro do Colo-Colo ao dizer publicamente que gostaria de ser titular da equipe. O jogador que passou quatro meses longe do time devido a uma lesão, foi bem desde que voltou e agora luta por um lugar entre os 11.

Leia Mais: Falcao García entra na pauta de três times da Espanha
Jornalista revela que Maradona está a caminho de rival do Cruzeiro na Libertadores

Como não poderia deixar de ser, o técnico Mario Salas não deixou passar a declaração do camisa 10 e, no auge da sua classe, explicou como define a equipe que entra em campo.

“Não sou um técnico que dá lugar cativo a jogador. Sempre zelei pelo respeito do plantel e quem está melhor entra em campo”, disparou.

“Valdivia é um grande jogador e isso é muito importante para o clube e torcida, mas prometer a titularidade para algum atleta é prejudicar o meu próprio trabalho”, completou.

Com mais uma polêmica, o Colo-Colo de Valdivia e Mario Salas volta a campo no próximo fim de semana, quando encara o O’Higgins, no sábado.