Foto: Divulgação

Uma cena chamou a atenção de todos na Arena da Baixada antes da disputa de pênaltis entre Atlético-PR e Junior Barranquilla. O técnico Julio Comesãna e o zagueiro Rafael Pérez tiveram uma forte discussão e tiveram que ser afastados por integrantes da comissão técnica e jogadores.

Leia Mais: Sporting Cristal massacra Alianza Lima na decisão do peruano
Nos pênaltis, Atlético-PR derrota o Barranquilla e fatura a Sul-Americana

Na coletiva de imprensa, o treinador explicou o bate-boca e fez questão de colocar panos quentes na confusão.

“O Rafael Pérez ficou irritado comigo. Eu o conheço desde os 17 anos. Foi algo de momento e nos respeitamos muito. São coisas que acontecem dentro de campo, no calor do confronto e não devemos nos estender sobre isso”, declarou.

Agora, com o vice-campeonato da Sul-Americana, o Barranquilla de Julio Comesaña foca suas atenções no campeonato colombiano. No fim de semana, o rival é o Independiente Medellín e um empate dá o título ao Tiburón.