SHARE
Foto: Divulgação Conmebol

A Copa Sul-Americana tem continuidade nesta terça-feira com três jogos. No Paraguai, o Nacional mede forças com o Mineros, da Venezuela, o emergente Defensa y Justicia encara o tradicional América de Cali e por fim, o Unión Española encara o Huncayo, do Peru.

Confira abaixo um breve resumo dos confrontos:

Nacional-PAR x Mineiros-VEM

Vice campeão da Libertadores de 2014, o Nacional tenta brilhar no cenário continental novamente e mira suas atenções para a Copa Sul-Americana. Após um começo de campeonato local fraco, com apenas uma vitória em dois jogos, o time tenta abrir vantagem no confronto de ida.

Já o Mineros de Guayana entra em campo para jogar com o regulamento. O time da Venezuela sabe da sua fragilidade, mas promete usar e abusar dos contra-ataques para surpreender o rival no Paraguai.

Defensa-ARG x América-COL

Na temporada passada, o Defensa y Justicia deixou o continente assustado ao tirar o gigante São Paulo na primeira fase da Sul-Americana. Agora, a missão é derrubar um dos maiores clubes da Colômbia e o primeiro duelo dentro de casa é fundamental para atingir esse objetivo.

Assim como inúmeros clubes gigantes, o América passou por momentos complicados nos últimos tempos. O time colombiano chegou a cair para a segundona, mas se reabilitou e hoje em dia voltou a disputar títulos. O torneio continental é visto com muito carinho por diretoria e torcida, que não pensam em resultado diferente a não ser a vitória.

Unión Española x Huncayo:

No último encontro da noite, os chilenos do Unión Española recebem os peruanos do Huncayo. Se o time chileno iniciou a temporada na parte de cima do campeonato local, o mesmo não podemos dizer do time peruano, que venceu apenas um jogo e não vem apresentando um futebol de qualidade.

Apesar da leve superioridade do Española, o Huncayo promete equilibrar as forças dentro de campo e vender caro uma classificação.