SHARE
Uruguai-Bolívia-Eliminatórias-Futebol-Latino-10-10
Foto: Arte Futebol Latino

*Por Mônica Alvernaz

Diante da já eliminada Bolívia, o Uruguai entrou em campo no Estádio Centenário. Apesar de ter saído perdendo, a seleção uruguaia mostrou superioridade e saiu vitoriosa da partida, garantindo o segundo lugar nas Eliminatórias da América do Sul.

Primeiro Tempo

A primeira chance de perigo na partida pertenceu a seleção da casa. Após cruzamento na direção de Suárez, a bola rebateu na zaga e sobrou para Cavani. O atacante chutou em direção ao gol, mas a bola acaba saindo pela linha de fundo.

Aos 23, a Bolívia conseguiu ficar a frente do placar, com uma ajudinha uruguaia. Após cobrança de lateral, Marcelo Moreno tocou de cabeça e o Gastón Silva desviou contra o patrimônio, fazendo contra e deixando Bolívia 1 a 0 no placar.

Apesar da desvantagem no placar, o Uruguai seguiu tentando o resultado. Em nova chegada ao ataque, Suárez e Cavani tabelaram em chegada de perigo do Uruguai e o camisa 9 arriscou em direção ao gol. Atenta,a zaga boliviana conseguiu se fechar e desviar pela linha de fundo.

Valverde cruzou para Suárez que tocou para Gastón Silva, que vinha de trás. No caminho, Martín Cáceres desviou e estufou as redes adversárias, deixando 1 a 1 no placar no Centenário.

A torcida uruguaia ainda comemorava quando a equipe virou o jogo. Aos 41, em cruzamento de Gastón Silva, Cavani subiu sozinho e cabeceou para o fundo do gol, deixando Uruguai 2 a 1 no placar, resultado da primeira etapa de partida.

Segundo Tempo

Querendo assegurar a vaga na Copa 2018, sem maiores sustos, o Uruguai voltou para a etapa complementar de forma ofensiva. Não demorou muito para que a equipe uruguaia chegasse ao terceiro gol na partida.

Pouco depois dos 10 minutos de segundo tempo, um longo cruzamento desviou na zaga boliviana e sobrou para Suárez, que tocou na saída do goleiro e deixou 3 a 1 Uruguai no placar.

Após o terceiro gol, o Uruguai passou a gostar do jogo e conseguiu armar jogadas com mais perigo. Aos 30, Suárez deixou mais um no jogo. Em bola recebida dentro da área, o atacante chutou cruzado pra deixar 4 a 1 Uruguai no placar.

Quando a goleada parecia encaminhada, a zaga uruguaia jogou novamente contra o patrimônio. A Bolívia tentava chegar com Arce, que cruzou na área. Godín tentou desviar e acabou jogando a bola para dentro do gol de Muslera, fazendo 4 a 2 no placar.

Com a definição do resultado a favor do Uruguai, a Bolívia parou e quase levou o quinto gol. Cristian Rodríguez chegou com perigo, chutou e parou no goleiro Lampe, que evitou mais um gol uruguaio e manteve o placar de 4 a 2.

Com o resultado, o Uruguai garantiu o segundo lugar na classificação e a vaga na Copa de 2018.

Ficha Técnica

Uruguai x Bolívia

Local: Estádio Centenário, Uruguai

Data: 10/10/2017 – 20h30

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro

Assistentes: Rodrigo Correa e Guilherme Dias Camilo

Público/renda:

Cartões amarelos: Candía (BOL)

Cartões vermelhos:

Gols: Martín Cáceres (Contra – 23’/1ºT), Martín Cáceres (38’/1ºT), Cavani (41’/1ºT),Suárez (14’/2ºT e 30’/2ºT), Godín (Contra – 33’/2ºT).

Uruguai: Muslera; Martín Cáceres, José Giménez, Godín e Gastón Silva (Maxi Pereira); Vecino, Valverde (Cristian Rodríguez), Bentacur e Arrascaeta (Lodeiro); Luis Suárez e Cavani. Técnico: Óscar Tabárez.

Bolívia: Lampe; Diego Bejarano, Candía, Raldés e Sagredo; Raúl Castro (Justiniano), Valverde, Cristhian Machado, Chumacero (Juan Arce) e Jhasmani Campos; Marcelo Moreno (Gilbert Álvarez). Técnico: Mauricio Soria.