COMPARTILHE
Foto: Sport Divulgação

*Por Juliano Rangel – Colaborador do Futebol Latino

A vitoria do Sport sobre a Ponte Preta por 3 a 1, na noite desta terça-feira (13), na Ilha do Retiro, em partida válida pelo duelo de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana trouxe mais tranqüilidade aos jogadores e ao técnico Vanderlei Luxemburgo.

Leia Mais: Sport massacra Ponte Preta na Ilha do Retiro e ameniza crise
Vitória busca sequência inédita contra o São Paulo no Brasileirão

Após a partida o atacante André falou sobre a importância de conquistar uma vitória após seis jogos. “Mais importante que a vantagem, é voltar a vencer. O time estava precisando. Então, o tamanho da vantagem é o tamanho da importância desse resultado para a gente”, diz André, do lado do Sport.

Já Vanderlei Luxemburgo, falou sobre a atitude da equipe havia pedindo na coletiva de imprensa após a derrota para o Grêmio por 5 a 0, no último dia 02 de setembro, em Porto Alegre. “Eles mostram que hoje eles têm para dar (uma atitude), então eles mostraram no jogo de hoje que podem. Uma formação de equipe, de um planejamento, de uma filosofia, ela requer um certo tempo e você passa por um certo desconforto, mas tem que ter discernimento e a calma para as coisas entrarem no seu caminho. Eles jogaram de uma maneira convincente”, ressaltou o técnico.

Sobre o gol levado no fim, o treinador não se lamente tanto e destacou que a vantagem poderia ainda maior. “Bobeira de dar espaço, demos espaço para os caras também. Então entra no cara, entra na falta, para a jogada, falta não sendo violenta é um instrumento do jogo e nos deixamos de seguir uma bola de escanteio, mas eu tenho mais a reclamar, entre aspas, era que poderíamos ter feito mais gols e sair praticamente com a classificação garantida”, disse Vanderlei.

O jogo da volta está marcado para a próxima quarta-feira (20), às 19h15, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.