COMPARTILHAR
Simeone-alfienta-Real-Madrid-Futebol-Latino-28-02
Foto: Getty Images

A imprensa tanto da Argentina como mundial tem comentado bastante um áudio que supostamente teria sido enviado do técnico Diego Simeone, do Atlético de Madrid, ao seu assistente Germán Burgos.

Leia mais: Enrique Cáceres tem pedido de investigação a FIFA feito por egípcio
Erick Castillo nega que esteja a caminho do Tijuana

Publicado inicialmente pelo diário espanhol Marca, as palavras atribuídas a “Cholo” falam principalmente de como o ambiente na Albiceleste é ruim ao ponto de os jogadores terem entrado em conflito após a dura derrota sofrida para a Croácia na última quinta-feira (21).

“O que está acontecendo na seleção é o que aconteceu durante todos esses quatro anos. É uma anarquia, não tem liderança nem por parte da dirigência nem por parte de quem a conduz. A equipe está perdida, está mal. Mas a Argentina vai passar (as oitavas de final). Espero não errar, mas acredito que vai passar.”

Além disso, Simeone teria criticado também ao atual comandante da seleção, Jorge Sampaoli, na sua ideia de manter como titular o experiente Wilfredo Caballero:

“Essa hora, no vestiário, eles estão em conflito. Alguém tem que brigar, deixar de ficar acumulando isso. O goleiro (Caballero) já tinha feito isso contra a Espanha, contra a Itália a bola passou do lado da trave, e você lembra que comentei que foi uma pena que ali não tenha tomado o gol para que se deem conta que, quando se erra no Mundial, se toma o gol.”

Outro ponto abordado pelo treinador do clube espanhol que já foi bastante ligado a possibilidade de treinar a seleção dos hermanos foi a questão do protagonismo e até poder de decisão do camisa 10, Lionel Messi:

“Quando nós, treinadores, fazemos besteira, é pior que quando erram os jogadores. Então, o treinador participa muito nisso. E isso é para se dar conta que Messi é muito bom, mas porque vive rodeado de jogadores extraordinários. E a pergunta agora é: Se tiver que escolher entre ele e Cristiano Ronaldo para uma equipe normal, quem você escolheria?”