Foto: AS

Campeão da Libertadores com o Atlético Nacional, Sebastián Pérez marcou época no futebol colombiano e despertou o interesse do Boca Juniors. Na La Bombonera, o meio-campista chegou repleto de expectativa, mas quase não entrou em campo na gestão de Guillermo Barros Schelotto.

Leia Mais: Lewandowski admite deixar o Bayern de Munique; MLS seria o destino
Clube que revelou Maradona faz bela homenagem em túnel inflável

Atualmente no Barcelona de Guayaquil, o volante concedeu entrevista à ESPN e revelou um dos motivos que poderia tê-lo ajudado a não ter espaço na equipe Xeneize.

“Sofri preconceito por ser vegano. Não tem o porquê esconder isso. Nunca me disseram nada pessoalmente, mas acho que isso teve influência”, afirmou.

“Quando decidi optar por esse estilo de vida (vegano), sabia que teria uma resistência muito grande dentro do clube. Sempre ouvi piadinhas que o camisa 5 do Boca precisava comer carne, pois assim teria mais energia de correr em campo”, completou.

No total, Sebastián Pérez atuou por apenas 16 vezes no Boca Juniors e não deixou nenhuma saudade na torcida atual bicampeã da Superliga Argentina.