Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

América de Cali faz apresentação virtual de seu novo treinador

america-de-cali-faz-apresentacao-virtual-de-seu-novo-treinador-Futebol-Latino-13-07
Foto: Reprodução/YouTube

Com boas expectativas e o desejo de mostrar em campo o acerto do América de Cali em sua contratação, o técnico argentino Juan Cruz Real foi apresentado como o novo treinador da equipe colombiana após a saída do brasileiro naturalizado costarriquenho Alexandre Guimarães. Além dele, chegam também para compôr a comissão técnica os assistentes Leonardo Felicia e Sergi Escobar, o preparador físico Christian Juliao Chamorro e também o psicólogo esportivo Andrés Rodríguez.

Betwinner

Leia mais: Jogador do Boca Juniors faz campanha por Cueva: “É um craque”
Por “Caso Rony”, Athletico é suspenso pela FIFA de fazer contratações

A chegada do novo comandante foi regada de elogios a grandeza do clube de Cali que retornou depois de mais de uma década a Libertadores (última participação foi em 2009) e ocupa o Grupo E junto a Grêmio, Internacional e Universidad Católica. Para ele, o momento é de celebrar o passo dado na carreira em paralelo a necessidade de trabalhar para que as possíveis desconfianças sejam superadas com resultados concretos:

“É um dia muito importante para mim e para o comando técnico, chegamos a um clube com muita história, passaram grandes jogadores, grandes treinadores, é um grande momento das nossas carreiras onde nós queremos fazer a nossa própria história. Sabemos do lugar que estamos e estamos conscientes da possibilidade que se apresenta, trabalharemos para conseguir os objetivos do clube e tentaremos potencializar tudo de bom que já foi feito.”

“Para aqueles que não estiverem tão convencidos, queremos convencê-los com nosso trabalho, isso vai mostrar a gestão e será o resultado do que a equipe mostrar dentro do terreno de jogo”, acrescentou o profissional de 43 anos de idade.




Antes do América de Cali, o profissional que como atleta defendeu equipes como Independiente, Arsenal de Sarandí e Millonarios foi treinador do Estudiantes de Mérida além da sequência no banco de reservas de duas equipes colombianas: Alianza Petrolera e Jaguares de Córdoba, seu último clube.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019