Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Argentina ganha do Catar e passa em segundo no Grupo B da Copa América

Lautaro Martínez e Kun Aguero balançaram as redes do time do Oriente Médio e asseguraram classificação da Argentina na vice-liderança da chave
Catar-Argentina-Copa-America-Futebol-Latino-1-23-06

Jogando na Arena do Grêmio com largo apoio de seu torcedor, a seleção da Argentina bateu a seleção do Catar por 2 a 0 e, no Grupo B da Copa América, conseguiu avançar sustentando a segunda posição da chave.

Leia mais: Gringos no Brasil: A idolatria a Carlitos Tevez no Corinthians
Zagueiro deixa futebol argentino e deve ser o novo reforço do Cerro Porteño

Primeiro tempo

Em meio a uma pressão asfixiante que foi aplicada pelo time da Albiceleste, logo com três minutos a saída de bola equivocada de Boualem Khouki caiu nos pés de Lautaro Martínez. O atacante da Inter de Milão foi rápido na reação e, na batida de pé esquerdo no canto do arqueiro Saad Al-Sheeb, inaugurou o placar.

Conseguindo manter o ritmo de posse de bola e a compactação da equipe mediante, os comandados de Lionel Scaloni eram absolutos até os 17 minutos quando os cataris tiveram, logo na primeira finalização, uma excelente chance de empatar com Hassan Al Heidos não fosse a posição de impedimento assinalada.

Apesar do controle territorial estar sob controle em grande parte dos argentinos, as oportunidades no ataque vieram tanto para os sul-americanos como para os representantes do Oriente Médio.

Nas melhores chances de ambos os lados, Kun Aguero bateu tirando de Al Sheeb e viu a bola raspar a trave esquerda, Lautaro Martínez tentou tocar em chute cruzado que acabou cortado em cima da linha pela zaga catari enquanto os dirigidos de Félix Sánchez levaram muito perigo em batida de falta onde Salem Al Hajri viu a bola beliscar a trave esquerda de Armani.

Segundo tempo

Diferente da etapa inicial, o time de Lionel Scaloni não conseguiu ter um sistema de marcação principalmente no plano ofensivo tão eficiente e intenso, propiciando com que o Catar ainda pudesse, por vezes, até se arriscasse em subir suas linhas de pressão na zaga da Albiceleste.

Mesmo assim, quem acabou chegando com construções mais insinuantes no ataque foram os sul-americanos tendo Aguero chegando muito bem para concluir a meia altura em cobrança de escanteio aos 21, mas Al Sheeb foi tão preciso quanto para conter a finalização.

Messi também teve em seus pés a oportunidade de fechar o marcador seis minutos depois no cruzamento rasteiro de Marcos Acuña, porém o camisa 10 pegou embaixo da bola e mandou nas arquibancadas da Arena do Grêmio.

Todavia, aos 36, Aguero teve outra boa chance de marcar recebendo passe dentro da área e, batendo cruzado, mandou no canto oposto de Saad Al Sheeb para dar números finais ao embate.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019