Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Atacante da seleção peruana cita a mãe para rebater críticas

Foto: Divulgação/Seattle Sounders

A seleção peruana encerrou 2020 em baixa. Favorita para lutar por uma vaga na Copa do Mundo, a Bicolor não foi bem diante do Chile e Argentina e acabou na penúltima colocação das Eliminatórias.

OS_BRAZIL_300x250_2020_Q2_SOC

Leia Mais: Ex-Atlético-MG marca gol que deixa time muito perto do título no Japão
Alô, Flamengo! Racing explode em crise antes da Libertadores



O maior alvo das críticas foi o sistema ofensivo, que passou em branco. Um dos alvos da torcida foi Raul Ruidiaz, que tem a missão de substituir Guerrero e não marcou nenhum gol.

Na conversa com a imprensa antes de voltar a defender o Seattle Sounders pela MLS, Ruidiaz foi questionado e desabafou.

“Do fundo meu coração, eu não me importo com isso (críticas). Não estou nenhum pouco preocupado. Ouvi dizer que tem torcedor chateado comigo, mas nem ligo. Se a minha mãe falar que está chateada com algo que fize de errado, me preocuparia com toda certeza”, declarou à América Deportes.

Agora, Ruidiaz terá a chance de voltar apenas em março de 2021, quando a seleção peruana encara a Bolívia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *