Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on print
Print

Atacante do Godoy Cruz se envolve em polêmica antes de jogo contra o Palmeiras

Santiago Morro García ficou transtornado com o pênalti marcado contra a sua equipe e ofendeu o juiz na entrevista pós-jogo

Antes de encarar o Palmeiras pelas oitavas de final da Libertadores, o Godoy Cruz foi derrotado pelo San Lorenzo por 3 a 2, na Superliga Argentina, em duelo repleto de polêmicas. Nos minutos finais, quando o placar anotava 2 a 2, o árbitro deu um pênalti a favor do Ciclón.

Leia Mais: México esbarra na trave, na defesa do Panamá e empata sem gols
Lateral uruguaio muda de equipe no futebol europeu

Como não poderia ser diferente, o lance gerou muita reclamação da equipe de Mendoza e Santiago Morro García, principal nome do Godoy Cruz, atacou o homem do apito no término do jogo.

“É vergonhoso. Esse árbitro gosta de aprontar. O futebol não merece isso. É uma falta de respeito o que ele fez”, disparou à TNT Sports.

“Não gosto de falar sobre arbitragem, pois ele tem o poder de interferir no resultado e se a nossa reclamação for muito forte seremos punidos no próximo jogo”, completou.

Na próxima rodada, o Godoy Cruz faz o seu primeiro jogo em casa no torneio e recebe o Arsenal de Sarandí. Antes disso, o time de Mendoza decide a sua vida contra o Palmeiras, no Allianz Parque.