Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

*Por Juliano Rangel

Os dois gols marcados pelo atacante Emanuel Herrera do Sporting Cristal na vitória da equipe sobre o Deportivo Municipal por 4 a 0, na manhã deste domingo (23), pelo campeonato peruano, o deixaram mais próximo de quebrar um recorde que pertence a um ex-jogador brasileiro: ser o maior artilheiro de uma temporada do futebol peruano.

Leia mais: Destaque do Cerro Porteño pode se transferir para futebol mexicano

Seleção do Panamá próximo de anunciar o novo técnico

Herrera, que chegou aos 32 gols anotados na temporada, está a seis gols de superar o recorde do ex-atacante do Universitario, Eduardo Esidio. Na temporada do ano 2000, o jogador brasileiro marcou em 37 oportunidades atuando por Los Merengues.

Em entrevista ao portal peruano Todo Sport, Eduardo disse que já esperava que outro jogador superasse seu recorde. “É bom para o futebol, porque as marcas também devem ser derrotadas. Como a Bíblia diz que há tempo para todo este mundo, então quando eu tive que quebrar o recorde com 37 gols, eu sabia que um dia outro jogador viria me bater”, destacou o ex-jogador.

Reprodução: Todo Sport

Morando na cidade de Santa Rita do Passa Quatro, no interior do Estado de São Paulo, o ex-atacante, que também atuou por uma temporada no Alianza Lima, destacou que gostaria de conhecer Emanuel Herrera, quando ele superasse sua marca, para parabeniza-lo.

– A verdade é que eu não o conheço, mas estou feliz por ele, pelo seu trabalho em Cristal e espero encontrá-lo um dia, parabenizá-lo se ele quebrar meu recorde.

Ele também se recordou dos gols marcados no período em que atuou no Universitário. “Me recordo dos mais belos e lindos. Para um atacante são momentos únicos e especiais, também serviu para conseguir o tricampeonato com o Universitario. São lembranças indescritíveis que eu apreciei com meus companheiros de equipe e sua grande torcida”, finalizou o ex-atacante.

No Peru, Eduardo foi tetracampeão nacional atuando por Universitario e Alianza Lima. Entre 1998 e 2000, conquistou três títulos por Los Merengues, enquanto que em 2001 levou a taça com Los Victorianos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *