Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Atleta da filial do Manchester City no Equador é assassinado

atleta-da-filial-do-manchester-city-no-equador-e-assassinado-Futebol-Latino-13-04
Foto: Reprodução/Twitter @Xavier00354776

Em meio a situação crítica que vive o Equador em relação a pandemia do novo coronavírus com ênfase na cidade de Guayaquil, uma fato triste ocorreu na região mais populosa do país envolvendo o mundo do futebol no último sábado (11).

Leia mais: Tecatito Corona pode assumir a vaga de Lautaro Martínez na Inter de Milão
Campeão de Libertadores conta como quase fechou com o Boca Juniors

O meio-campista Edwin Espinoza, que atuava na equipe reserva do Guayaquil City, foi assassinado a tiros na porta de sua residência que se situava no bairro de Isla Trinitaria, bairro bastante populoso na região sul de Guayaquil.

Segundo informações ditas pelo diretor esportivo do clube (Carlos Franco) a agência de notícias EFE, a apuração inicial deu conta de que Edwin teria sido confundido com outra pessoa enquanto entrava em sua casa.


Por meio de sua rede social oficial, o clube que faz parte do City Football Group, conglomerado de diversas equipes ao redor do globo que também administra o Manchester City, postou uma mensagem de pesar:

“O Guayaquil City F.C. expressa as suas condolências aos seus familiares, amigos e companheiros pelo sensível falecimento de Edwin Espinoza, jogador da equipe Reserva da nossa instituição. Nosso extensivo pesar a sua respeitável família nesse duro momento.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019