Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Atletas latinos que também são viciados em e-sports

atletas-latinos-que-tambem-sao-viciados-em-e-sports-Futebol-Latino-17-03
Foto: Reprodução/Instagram @leomessi

Os e-sports tem sido um mercado crescente em todo o globo, seja falando de jogos eletrônicos de futebol como as franquias FIFA e PES como também de outros segmentos. E, evidentemente, os jogadores de futebol não ficariam alheios a essa forma de entretenimento, ainda mais considerando que muitos deles possuem a chance de estarem em evidência no planeta em idade cada vez menor.

Leia mais: Centurión reitera o desejo de voltar a jogar por ex-clube
Copa América é oficialmente adiada para 2021 em função do Covid-19

Esse tipo de atividade, principalmente para os atleta profissionais que fazem como hobby, se tornará ainda mais praticada devido ao panorama de pandemia global do coronavírus e a necessidade de isolamento das pessoas em sua residência visando conter a proliferação.

Por isso, se você também terá a possibilidade de se manter isolado, fique atento em quem você pode acabar “encontrando” em uma das salas de jogos online:

Lionel Messi

Sim, o astro argentino do Barcelona recordista de prêmios de melhor jogador do mundo e portador de um incontável número de recordes é também adepto ao mundo dos video-games. E, como é possível imaginar, ele tem nos games de futebol um de seus gêneros preferidos apesar de não ser o único chegando a brincar que, mesmo quando se identifica nas partidas online, as pessoas costumam duvidar de sua identidade.

Curiosamente, o tema acabou sendo abordado em uma entrevista pelo lateral-direito argentino Pablo Zabaleta dada no ano de 2018 para a emissora inglesa BBC Sport. Dizendo, aliás, que La Pulga não costumava jogar com o Barça no video-game nos tempos em que ambos disputavam partidas na concentração da seleção argentina sendo o Chelsea a sua equipe predileta nesse sentido.

Neymar

O ex-companheiro de Messi no clube da Catalunha hoje no Paris Saint-Germain também é um dos fãs mais assíduos do mundo dos games. Contudo de maneira inversa ao que ocorre com o argentino, a sua preferência não é no mundo dos e-sports não está voltada de maneira mais intensa para os jogos de futebol.

Os jogos eletrônicos relacionados a disputas de tiro parecem ser a prioridade do craque brasileiro. Tanto é que, além de possuir um servidor exclusivo do jogo Playerunknow’s Battlegrounds (PUBG), Neymar já foi flagrado e também postou em diversas oportunidades partidas da conhecida franquia Counter Strike: Global Offensive.



Gabriel Jesus

Outro atacante que atua tanto no futebol europeu como na Seleção Brasileira é o ex-Palmeiras Gabriel Jesus. Sendo que, no caso do camisa 9 do Manchester City, o futebol é efetivamente a sua prioridade, mais precisamente a franquia FIFA.

Tamanha é a paixão e o espírito de competitividade do atacante de 22 anos de idade que, além de ser conhecido como um verdadeiro provocador durante as partidas, ele possui um controle personalizado para jogar.

Paulo Dybala

Fechando essa pequena lista de jogadores profissionais bastante adeptos ao mundo dos e-sports é o atacante argentino da Juventus, Paulo Dybala. Tendo o FIFA como seu game preferido, o jogador de 26 anos de idade também costuma solicitar a personalização de controles, algo que dá um pouco da noção de importância que ele dá a competitividade nesse sentido.

Além de gostar do espírito de competição, parece que Dybala coloca um “tempero” adicional na questão tanto quando joga com companheiros da Vecchia Signora como também na concentração da Albiceleste. Isso porque, segundo relatos, ele gosta de fazer apostas com seus adversários.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019